Home » Transporte em Paris: zonas, tickets e preços

Transporte em Paris: zonas, tickets e preços

por Eduardo Dias Araujo
Publicado: Última Atualização em 0 comentário

A capital da França é também a maior cidade do país e a que recebe mais turistas. Por isso, o transporte em Paris pode gerar um pouco de insegurança em quem está indo visitar a cidade-luz pela primeira vez.

Não é de se espantar que as pessoas fiquem com receio de não conseguirem se locomover com facilidade por lá. Para deixar tudo mais difícil ainda, os parisienses têm a má fama de serem antipáticos e não fazerem o menor esforço para se comunicar com estrangeiros.

Mas isso tudo é puro mito. Com algumas informações e planejamento não é difícil se encontrar no metrô. E os parisienses não são antipáticos — aliás, foi a cidade em que mais vezes fui ajudada a subir e descer com malas pesadas no metrô.

Além disso, várias atrações ficam bem próximas umas das outras, o que permite que você faça diversos passeios a pé. Mas, mesmo assim, saber com que meio de transporte contar pode te ajudar muito. Vamos, então, conhecer os meios de transporte em Paris.

Planeje sua viagem => Hotéis baratos em Paris

Seguro viagem Europa »

 

Como funciona o transporte público em Paris?

Estação de metrô na França

Metrô de Paris. | Foto: Clicsouris, via Wikimedia Commons

Sem dúvidas, o meio de transporte que você vai acabar usando mais em Paris será o metrô. Ele é super eficaz, rápido, fácil de encontrar e econômico.

Porém, dependendo da sua necessidade e preferência, há ainda outras opções, como trens (RER), ônibus, táxi, uber e até bondinhos (veículo elétrico sobre trilhos, como um VLT, conhecido como Tram).

CLIQUE AQUI para agendar os melhores tours em Paris »

 

Metrô

Transporte em Paris

São mais de 300 estações de metrô espalhadas por Paris.

A rede de metrô de Paris é muito eficiente. São cerca de 300 estações e 16 linhas, algumas delas com conexões com outros meios de transporte, como os trens RER. É muito mais denso do que os metrôs de Berlim e Londres, por exemplo.

Todas as linhas tem uma cor própria, para facilitar a identificação. A mais usada é a amarela, que vai de La Défense a Château de Vincennes.

Você provavelmente também fará bom uso dessa linha, já que ela dá acesso a Champs Élysées, Place de la Concorde, Jardins de Tuileries, Palais Royal, Museu du Louvre, Rue Rivoli e Hôtel de Ville (a prefeitura de Paris, uma construção belíssima).

Você pode contar com o metro parisiense todos os dias do ano, das 6h até 0h45 (de domingo a quinta-feira) ou 1h45 (sexta e sábado).

A frequência da passagem varia de acordo com a demanda, porém não costuma haver esperas muito longas.

Sem fila => Ingressos para a Torre Eiffel

 

Bilhetes do metrô de Paris

Entre todos os tipos de bilhetes disponíveis, três são mais interessantes para os turistas. O Ticket T+ possibilita viagens no metrô, trens RER, ônibus e bondinho durante um período máximo de 2 horas após a validação e custa 1,90 €.

No entanto, a conexão entre os diferentes tipos de transporte devem ser feitas dentro de uma mesma estação. Se você precisar fazer várias viagens, vale a pena comprar 10 bilhetes de uma única vez por 14,90 .

Todas as viagens devem ser feitas apenas dentro da cidade de Paris. Para trajetos envolvendo outras localidades em Île-de-France é necessário adquirir um ticket especifico. Há ainda outras exceções em relação à mudança de zonas.

A outra opção é o Mobilis, que permite um número ilimitado de viagens durante um dia inteiro por toda a Île-de-France.

Com ele é possível andar de metrô, RER, ônibus, bondinho e até mesmo usar alguns trens, e você pode sair da estação e voltar quantas vezes quiser. O valor vai de 7,50 a 17,80 , dependendo da zona por onde você escolher circular.

A terceira é o Forfait Paris Visite, que dá direito a usar o metrô, bondinho, ônibus, RER e até alguns trens da SNCF durante 1, 2, 3 ou 5 dias consecutivos. Além do período, você também deve escolher a zona em que deseja se locomover.

Sabia que o Seguro Viagem é obrigatório na Europa?

Além de ser obrigatório nos países do Tradado de Schengen, a imigração de qualquer país pode solicitar o documento para permitir ou negar sua entrada.

Faça uma cotação online na Seguros Promo, comparando o preço nas melhores seguradoras. Aproveite e ganhe até 10% de desconto usando o cupom VIAJARNAEUROPA, é só clicar no botão.

 

Por exemplo, é possível ficar apenas pelo centro de Paris (zonas 1 a 3) ou ir até o aeroporto, Disneyland Paris ou Château de Versailles. Os valores variam de 12 a 65,80 . Todos os detalhes podem ser consultados no site da companhia RATP.

E, como bônus por escolher se locomover por Paris de metrô, você conhecerá as diversas estações, muitas delas com decoração inspirada no local onde ficam ou ao nome da parada.

Ingresso => Terraço do Arco do Triunfo

 

Ônibus

ônibus em Paris

O ônibus também é um meio de transporte em Paris muito eficaz. | Foto: Simon_sees, via Wikimedia Commons

Outra excelente forma de conhecer a cidade-luz é por meio de seus ônibus. São numerosas linhas e, como em algumas cidades brasileiras, em Paris também há corredores exclusivos para ônibus, o que torna seu itinerário mais rápido.

Esse meio de transporte está disponível de segunda a sábado, das 7h às 20h30. Há algumas linhas que circulam até mais tarde.

As pessoas em geral sobem pela porta dianteira e saem pelas demais, e nos ônibus articulados pode-se descer e subir por todas as portas — apenas não esqueça de validar seu ticket.

As passagens são as mesmas descritas quando falamos sobre o metrô. Se você não tiver comprado um bilhete antes de entrar no ônibus, poderá solicitá-lo diretamente ao motorista.

Nesse caso, a passagem custará 2 euros e precisa necessariamente ser paga em dinheiro. Com esse bilhete não é possível fazer nenhuma conexão.

Recomendo => Ônibus turístico em Paris

 

Pontos turísticos de Paris de ônibus

A melhor linha de ônibus para conhecer os principais pontos turísticos de Paris sem nem precisar se mexer é a 72, sem dúvidas.

Você passará pela Torre Eiffel, Trocadéro, Palais de Tokyo, Grand Palais, Pont Alexandre III, Place de la Concorde, Jardin des Tuileries, Museu d’Orsay, pela pirâmide do Louvre e pela Cathédrale Notre-Dame. Pas mal, como dizem os franceses!

Tanto no ônibus quanto no metrô, tenha sempre em mente que Paris (apesar de bastante segura), é uma cidade muito grande e que é comum haver furtos no interior dos veículos.

Há inclusive uma mensagem repetida à exaustão sobre isso no auto-falantes do metrô. Por isso, mantenha seus pertences próximos, fechados, sob vigilância e em segurança. É sempre melhor prevenir do que passar apuros em um país estrangeiro.

Tour guiado => O melhor do Louvre

 

Trem RER

Trens grande Paris

Trem da linha RER A, a mais usada para transporte metropolitano. | Foto: Eole99, via Wikimedia Commons

Os trens da Réseau Express Régional (RER) são um transporte rodoviário entre Paris e sua aglomeração urbana, ou seja, são os veículos que levam as pessoas até a periferia de Paris. O funcionamento vai das 6h a 0h45, todos os dias.

São cinco linhas e elas possuem conexão com o metrô. A mais utilizada é a linha A (vermelha), que vai de leste a oeste da Île-de-France, cruzando o coração de Paris. A linha D, por sua vez, pode ser usada para chegar a Versalhes.

As tarifas para compra dos tickets são as mesmas que as praticadas para o metrô, desde que você vá circular apenas por Paris.

Se o RER for conectado ao metrô, você poderá utilizar os dois meios de transporte pagando apenas um bilhete. Se sua intenção for sair de Paris, será necessário comprar um bilhete de acordo com seu destino na região de Île-de-France. Todos os detalhes e tarifas estão disponíveis no site oficial de Turismo de Paris.

Excursão guiada => Notre-Dame e Quartier Latin

 

Táxi e Uber em Paris

Taxi em Paris

O taxi é a alternativa de transporte mais cara em Paris.

Vai viajar e precisa ter internet 100% do tempo no seu celular?

Ter internet é essencial para usar aplicativos como Uber e Google Maps, além de conversar no WhatsApp e postar aquela foto no Instagram.

Devido a nossa parceria com a EASYSIM4U, clicando no botão abaixo você ganha o frete grátis para comprar qualquer chip e receber em casa, e assim ter conexão em até 210 países.

 

Táxi em Paris costuma ser uma opção pouco usada, já que em geral os valores são elevados e o transporte público atende bem às necessidades dos turistas.

Porém, por precaução, você pode fazer o download do aplicativo Paris Taxis, desenvolvido pela prefeitura da cidade, que ajuda as pessoas a pedirem o transporte.

É possível até mesmo filtrar o tipo de veículo que você quer: prefere um carro não poluente? Precisa de acessibilidade para cadeira de rodas? Vai pagar com cartão?

O contador do táxi começa em 2,50 e, para se ter uma ideia, uma corrida intramuros custa em média 17 .

Se houver necessidade de fazer algum trajeto de carro (por exemplo, transporte à noite quando já não há mais circulação de ônibus ou metrô), o Uber pode ser considerado. Como em todas as cidades, a plataforma tem preços mais atrativos do que os do táxi.

Com guia de áudio => Sacré-Coeur e arredores

 

Tram em Paris

A região da Île-de-France conta ainda com 10 linhas de bonde, ou VLT, o que localmente se chama Tram. Eles não passam pelo centro de Paris, porém contornam a cidade e podem ser úteis caso você decida fazer passeios fora dos limites da cidade-luz.

Recomendo => Cruzeiro pelo Rio Sena em Paris

 

Menos preocupação com transporte em Paris, mais tempo para curtir

O transporte em Paris tem diversas opções, mas você acabará vendo que o mais gostoso é passear a pé por suas ruas, dando de cara, inesperadamente, com monumentos famosos. Sugiro, inclusive, uma excursão a pé por Paris.

Planejando bem e agrupando as atrações por área, você pode economizar muito tempo e dinheiro com transporte.

Por outro lado, se locomover com transporte coletivo da capital também não é nenhum grande problema. Por lá, tudo é bastante organizado.

Dentro da cidade, o ideal é fazer os trajetos usando o metrô e o ônibus. Para ir do centro para locais nos arredores, use o RER. Para circular entre dois pontos da periferia, o tram.

Por sua densidade, andar de metrô em Paris pode parecer confuso. Mas fique tranquilo: em pouco tempo você pega o jeito da coisa e vai estar até achando graça na forma como os nomes das estações de metrô são narradas nos auto-falantes dos vagões.

Nas estações você pode pedir gratuitamente um mapa com todas as estações e linhas. Além disso, você pode conferir as zonas de transporte em Paris.

Veja esse vídeo fantástico feito pelo site oficial de Paris sobre as facilidades para visitar Paris e usar seus meios de transporte:

Se restou alguma dúvida, pode deixar nos comentários!

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR DE

Deixe um Comentário