Roteiro em Madrid: o que fazer em 5 dias de viagem

por Thainá Fernanda

Ao planejar um roteiro em Madrid, é normal ficar em dúvida do que incluir na programação, ainda mais quando o tempo de estada não é tão extenso como você gostaria.

Mas, para nossa felicidade, Madrid é uma cidade muito bem comunicada e é fácil aproveitar muito, mesmo se o seu roteiro na capital da Espanha tiver menos de 5 dias. Boa parte dos lugares mais interessantes está concentrada no distrito central, o que facilita a criação de um roteiro em Madrid.

Para deixar sua viagem mais fácil, coloquei neste artigo roteiros de 1 a 5 dias, com as melhores dicas de Madrid para locomoção, horário de funcionamento e valores a serem investidos.

Planeje sua viagem => Melhores hotéis em Madrid

Seguro viagem Europa »

 

Como montar um roteiro em Madrid?

Noite em Madrid

Madrid é uma cidade cheia de atrativos, inclusive à noite.

Felizmente, em boa parte de cada roteiro é possível se locomover andando alguns quarteirões ou, no máximo, intercalar com o ônibus ou metrô. Isso é muito satisfatório, pois faz com que o turista mergulhe de cabeça nas ruas e vielas que fazem a história dos madrileños.

Por exemplo, em um roteiro de 2 dias, dá para dividir as visitas entre os extremos inversos da cidade, começando no primeiro dia com o Parque del Retiro e apreciando o Templo de Debod no final do segundo dia de visita.

Então se você tem energia e disposição para tirar o máximo de proveito da cidade, estes roteiros a partir de 1 dia em Madrid vão te fazer aproveitar o mais relevante dessa belíssima metrópole.

CLIQUE AQUI agendar os melhores tours guiados em Madrid »

 

Roteiro de 1 dia em Madrid

O que fazer em Madrid

Palácio de Cristal no Parque do Retiro.

Com um roteiro em Madrid de um dia, se prepare para gastar bastante energia e conhecer a parte central da cidade, passando pelos pontos turísticos mais conhecidos.

Bem cedo, o passeio começa no Parque del Retiro. Este é um parque incrível com mais de 125 hectares de extensão, com vários jardins e lagos, além de monumentos importantes e construções belíssimas como o Palácio de Cristal e o Palácio de Velázquez. Você conhecer o Parque del Retiro em Segway (diciclo).

O Parque del Retiro abre todos os dias do ano a partir das 6h, então dá para colocá-lo como ponto de partida em seu roteiro em Madrid, e ficar pelos menos 2 horas no local. Para aproveitar melhor o tempo no parque, o ideal é reservar um passeio guiado no Get your Guide.

Saindo do Parque del Retiro pela saída da Plaza de la Independencia, a menos de 200 metros você encontrará a Puerta de Alcalá, que é uma das cinco portas reais antigas que davam acesso à Madrid quando a cidade era cercada por muralhas.

Parque do Retiro => Passeio guiado com degustação de tapas

 

Mais passeios por Madrid

Sede Governo de Madrid

O belíssimo Palácio de Cibeles. | Foto: Fred Romero, via Creative Commons

Seguindo a pé pela Calle de Valenzuela por cerca de 5 minutos, a próxima parada é o Palácio de Cibeles, que é muito bonito e foi declarado Bem de Interesse Cultural da Espanha. Junto ao palácio fica a Fuente Cibeles, conhecida por ser o ícone de celebração dos títulos do Real Madrid.

Ele fica aberto de terça-feira a domingo a partir das 10h. Para entrar no Mirador del Palácio de Cibeles, localizado no último andar do palácio, onde dá para ter uma vista incrível da cidade, é cobrado 3 €.

A partir do Palácio de Cibeles, suba a pé a Calle de Alfonso XI e vire à esquerda na Calle Alcalá. Caso esteja de carro, o percurso deve ser outro, já que estamos andando em mão contrária ao sentido dessa rua. Seguindo por pouco mais de um quarteirão, o destino é a Plaza Cibeles, também famosa em Madrid.

A próxima parada em nosso roteiro em Madrid de um dia, é a Plaza del Sol, onde fica a memorável Puerta del Sol. Para isso, saindo da Plaza Cibeles, você deve andar cerca de 200 metros pela Calle Alcalá na mão contrária da rua, até chegar à estação de metrô Banco de España, linha vermelha.

De metrô, o destino é a estação Sol, a duas paradas do ponto de origem. A viagem deve durar em torno de 2 minutos. Chegando à estação Sol, ande por cerca de 2 minutos até Puerta del Sol.

Este é um ponto muito importante para os madrileños, pois significa o ponto zero das estradas espanholas, e onde fica a estátua do Urso e do Medronheiro, que representa o brasão de armas de Madrid.

Ele também é bastante movimentado, com várias opções para compras e restaurantes com diferentes perfis. Caso já esteja no horário de almoço, lembrando que os espanhóis almoçam depois das 14h, aproveite para comer de frente a esse monumento tão importante.

Algumas sugestões de restaurantes com bom custo-benefício por lá são a pizzaria Papizza na Calle Carretas, o restaurante El Gaucho na Calle Tetuan, e a hamburgueria Bacoa na Carrera San Jeronimo. E já que o assunto é comida, aproveite para ler tudo sobre os restaurantes de Madrid.

Tradicional => Show de flamenco com opções de refeição

 

Plaza Mayor

Pontos turísticos de Madrid

A icônica Plaza Mayor.

Caso você ainda tenha tempo antes de comer, caminhe pela Calle Mayor até a Plaza Mayor, a cerca de dois quarteirões de distância.

Essa praça retrata a Madrid antiga e foi construída no século XV de forma retangular, rodeada de edifícios, ruas e vielas antigas. A parte mais bonita da praça é o Arco de Cuchilleros, um dos nove arcos da Plaza Mayor.

Inclusive é dela que parte o tour pelos mistérios e legados da Inquisição Espanhola em Madrid. Vale muito a pena.

Nessa área tão movimentada e cheia de artistas de rua e comércios, uma das melhores opções é visitar o conhecido Mercado de San Miguel. O trajeto dá para ser feito a pé em alguns minutos, e a diversidade gastronômica e os preços acessíveis com certeza vão te interessar.

Seguindo em linha reta pela Calle Mayor por aproximadamente 10 minutos a pé, é hora de conhecer um dos lugares mais imprescindíveis em um roteiro em Madrid de um dia, o Palácio Real.

A residência oficial da família real teve sua arquitetura inspirada nos esboços da construção do Palácio do Louvre de Paris, no começo do século IX.

Embora tenha algumas partes reformadas por um incêndio no século XVIII, o palácio ainda abriga coleções de armas e obras históricas. Conheça o Palácio Real em Madrid em um tour guiado.

O horário de fechamento do Palácio Real varia entre 18h e 20h ao longo do ano.

Passeio => Visita guiada aos mercados de Madrid

 

Catedral de Almudena

Igrejas da Espanha

A catedral é linda em todos os seus ângulos.

Sabia que o Seguro Viagem é obrigatório na Europa?

Além de ser obrigatório nos países do Tradado de Schengen, a imigração de qualquer país pode solicitar o documento para permitir ou negar sua entrada.

Faça uma cotação online na Seguros Promo, comparando o preço nas melhores seguradoras. Aproveite e ganhe até 10% de desconto usando o cupom VIAJARNAEUROPA, é só clicar no botão.

 

Partindo do Palácio Real, ao subir a Calle de Bailén, você pode aproveitar para ver a Catedral de Almudena, um dos edifícios religiosos mais importantes da Espanha, já que foi a primeira catedral a ser consagrada por um Papa.

O horário de fechamento da Catedral de Almudena varia entre 20h30 e 21h, e a entrada é gratuita, embora possa ser solicitado 1 € como donativo. Para visitar o museu da catedral, o valor cobrado é 6 €.

Depois de conhecer a Catedral de Almudena, continue subindo a pé a Calle de Bailén. Aproveite para conhecer a Plaza de Oriente nesse trajeto, e seu monumento a Felipe IV.

Seguindo pela Calle de Bailén, o próximo destino é a Plaza de España, que é uma das mais importantes e movimentadas de Madrid. É lá que nasce a Gran Vía, onde você pode aproveitar para fazer compras e comer alguma coisa antes do jantar.

Se você ainda tem energia e ainda não estiver escuro, siga para a última parada neste roteiro de 1 dia em Madrid, que é o Templo de Debod, um lugar belíssimo e ideal para visitar ao pôr do sol. Ele foi um presente dos egípcios por uma ajuda da Espanha, e construído a milhares de anos.

Andando entre a Plaza de España e o Templo de Debod você demorará em torno de 10 minutos.

Imperdível => Tour gastronômico em Madrid

 

Roteiro de 2 dias em Madrid

Em 2 dias de roteiro em Madrid ainda não dá para ver tudo, mas dá para conhecer alguns lugares do primeiro roteiro com mais calma e explorar o bairros mais bonitos da cidade.

 

1º dia em Madrid

Pontos turísticos de Madrid

Uma das dicas de passeio é visitar a Puerta de Alccalá. | Foto: Sanva1959, via Wikimedia Commons

Começamos novamente bem cedo no Parque del Retiro, em um passeio que durará em torno de 2 horas. Depois, seguimos a pé para a Puerta de Alcalá, depois para a Puerta del Sol e logo a Plaza Mayor. Lembrando que ambas são regiões ótimas para almoçar.

Descendo alguns quarteirões a partir da Plaza Mayor, pela Calle de Gerona e logo virando a direita na Plaza de la Provincia, você chegará ao Palácio de Santa Cruz, construído em 1629 para ser uma prisão, e depois transformado em um palácio. Hoje ele é a sede do Ministério dos Negócios Estrangeiros de Espanha.

Caminhando por uns 10 minutos a partir da Calle Imperial, você chegará à belíssima Basílica de San Miguel. Se achar interessante, pode passar pelo Mercado de San Miguel, seguindo a pé por uns 5 minutos partindo pela Calle de Puñonrostro.

A próxima parada é a Praça de la Villa, a menos de 10 minutos de caminhada saindo do Mercado de San Miguel.

Este é um dos edifícios mais bem conservados de Madrid, localizado perto da Puerta del Sol. Este foi um dos principais núcleos da Madrid medieval, e vale a pena conhecer suas ruas pequenas e cheias de história.  Se preferir, contrate um passeio particular personalizado em Madrid com guia local.

Siga reto pela Calle Mayor, e depois vire a direita na Calle de Bailén para chegar a Catedral de Almudena. Depois caminhe em linha reta pela na Calle de Bailén para conhecer a Plaza de Oriente e de frente a ela, o Palácio Real.

Continue subindo a Calle de Bailén para chegar a Plaza de España, e depois aproveite o resto do dia para passear pela Gran Vía.

O melhor de Madrid => Excursão guiada de bicicleta em Madrid

 

2º dia em Madrid

Museus em Madrid

O imponente Museu do Prado. | Foto: Brian Snelson, via Wikimedia Commons

Para muitas pessoas que passam pela cidade, um roteiro em Madrid deve incluir os museus mais conhecidos da cidade. Estamos falando do Triângulo da Arte, o nome dado à junção do Museo del Prado, o Thyssen-Bornemisza e o Museo Reína Sofía.

Todos eles ficam próximos ao Paseo del Prado. Por isso, o ponto de partida do segundo dia de roteiro em Madrid para quem tem apenas dois dias na cidade, é o Museo Reína Sofía. Ele abre a partir das 10:00 hs e a entrada geral custa em média € 10,00. Ou agende agora por aqui com um guia especializado te acompanhará ao Museu Reina Sofía em Madrid.

O próximo destino é o Museu Thyssen-Bornemisza. Para isso é preciso andar por alguns minutos até a estação de ônibus Prado-Atocha e seguir viagem até a estação Neptuno. Marque agora um tour guiado ao Museu Nacional Thyssen-Bornemisza em Madrid.

De lá, é só andar mais alguns minutos e você chegará ao segundo museu. A entrada geral custa 13 e de segunda-feira das 12h às 16h a entrada é gratuita. O lugar abre de segunda-feira à partir das 12h de terça-feira a domingo a partir das 10h.

Para chegar ao terceiro destino, o Museo del Prado, basta subir a Paseo del Prado por uns 10 minutos e você chegará lá. Ele abre todos os dias a partir das 10h, e a entrada em geral custa 7,50 € . Marque a sua visita com antecedência ao Museu do Prado em Madrid.

 

Círculo Bellas Artes e Palácio de Cibeles

Arte em Madrid

O Círculo Bellas Artes, que é um das dicas de passeio,

Em seguida, se você estiver cansado para chegar ao Círculo de Bellas Artes caminhando, é possível pegar um ônibus em frente ao Museu do Prado, a linha 27, e ir à estação Cibeles. Depois é só caminhar mais alguns minutos. Por outro lado, você pode optar por caminhar e então conhecer o Paseo del Prado e seus edifícios históricos.

O Círculo de Bellas Artes tem uma das melhores vistas de Madrid, e é um dos centros culturais mais importantes da Europa. Ao visitar este lugar incrível e belíssimo, aproveite para subir ao terraço.

É um lugar privilegiado, que tem até um elegante bar-restaurante. O valor médio individual de entrada para cada área do Círculo de Bellas Artes é 5 €.

Caminhe por mais uns 15 minutos pela Calle de Alcalá para chegar ao Palácio de Cibeles, e a Fuente Cibeles. Subindo a pé a Calle de Alfonso XI e virando à esquerda na Calle Alcalá, temos também a Plaza Cibeles.

Aproveite para conhecer o Mirador do El Corte Inglés de Callao, que tem uma das melhores vistas da parte histórica de Madrid, incluindo a Gran Vía, a Plaza de España e o Palácio Real.

Para isso, vá de metrô da estação Banco de España, perto da Plaza Cibeles, até a Sol, perto do El Corte Inglés.

Além de se maravilhar com a vista, você pode aproveitar para descansar e se deliciar no espaço gastronômico gourmet presente ali.

Por último, visite o Templo de Debod e seu maravilhoso pôr do sol. Para isso, você deve ir de metrô da estação Callao até a Ventura Rodriguez.

Divertido => Maratona de bares em Madrid

 

Roteiro de 3 dias em Madrid

O que fazer em Madrid

O parque Madrid Río é muito frequentado por madrileños e turistas. | Foto: Nicolas Vigier, via Creative Commons

No terceiro dia de roteiro em Madrid, sugiro você começar conhecendo o Madrid Río, que é um parque muito bonito. A Puente de Segóvia é um de seus maiores destaques, cruzando o rio Manzanares.

O Parque Madrid Río é acessível pela linha 6 do metrô até a estação Puerta del Ángel.

Depois temos um lugar muito interessante, e que com certeza será uma experiência inesquecível para incluir em seu roteiro em Madrid, é o Estádio Santiago Bernabéu, o estádio do clube Real Madrid.

É possível visitar o clube por 1 hora e meia, e o percurso inclui vários lugares do estádio, incluindo o terreno de jogo. O Estádio Santiago Bernabéu fica aberto todos os dias, salvo dias de jogos, e a entrada custa 25 €. Ou tenha acesso direto e sem fila a áreas exclusivas do Estádio do Real Madrid.

Para ir do Madrid Río até o Estádio do Real Madrid, é só ir de metrô entre a estação Puerta del Ángel e a estação Santiago Bernabéu.

 

Plaza de Toros

Roteiro em Madrid

A Plaza de Toros faz parte da cultura de Madrid. | Foto: Yonderboy, via Wikimedia Commons

Vai viajar e precisa ter internet 100% do tempo no seu celular?

Ter internet é essencial para usar aplicativos como Uber e Google Maps, além de conversar no WhatsApp e postar aquela foto no Instagram.

Devido a nossa parceria com a EASYSIM4U, clicando no botão abaixo você ganha o frete grátis para comprar qualquer chip e receber em casa, e assim ter conexão em até 210 países.

 

Intercalando metrô e ônibus em uma viagem de aproximadamente meia hora, é o momento de conhecer a Plaza de Toros Las Ventas, que é uma praça de tourada, sendo a segunda maior a nível mundial.

Conheça melhor esse lugar em uma excursão à Praça de Touros Las Ventas em Madrid.

Saindo de lá, também em uma viagem de cerca de meia de hora de ônibus e metrô, a próxima parada é o Faro de Moncloa, que oferece a experiência “De Madrid al cielo”, com seus 92 metros de altura e elevadores panorâmicos.

De lá dá para ver a cidade toda, e tem até um super telescópio que permite ver vários pontos turísticos com detalhe.

O Faro de Moncloa abre das 9h30 às 20h, exceto às segundas-feiras. A entrada geral custa 3 €, e o acesso ao telescópio tem um valor à parte de 3 €.

Sem fila => Hard Rock Café Madrid

 

Roteiro de 4 dias em Madrid

O que fazer em Madrid

O Templo de Debod também deve ser incluído em seu roteiro em Madrid. | Foto: Jiuguang Wang, via Creative Commons

Com 4 dias dá para aproveitar a cidade com mais calma. Por isso, minha recomendação é pegar os roteiros de 2 e 3 dias e dar uma espaçada de tempo em cada atividade.

Por exemplo, como o 1º dia ficou mais cheio, dedique mais tempo ao Parque del Retiro e diminua as atividades. Então fica:

  • Parque El Retiro
  • Puerta del Alcalá
  • Puerta del Sol
  • Plaza Mayor
  • Palácio de Santa Cruz
  • Basílica de San Miguel
  • Mercado de San Miguel
  • Praça de la Villa

Para o 2º dia, juntamos o restante das atividades que já estão em outro distrito:

  • Catedral de Almudena
  • Plaza de Oriente
  • Palácio Real
  • Plaza de España
  • Gran Vía.

No 3º dia em Madrid:

  • Museo Reína Sofía
  • Museu Thyssen-Bornemisza
  • Museo del Prado
  • Caminhada pelo Paseo del Prado
  • Círculo de Bellas Artes
  • Palácio de Cibeles
  • Fuente Cibeles
  • Plaza Cibeles

4º dia de visita:

  • Mirador do El Corte Inglés de Callao
  • Templo de Debod
  • Madrid Río
  • Estádio Santiago Bernabéu
  • Plaza de Toros Las Ventas
  • Faro de Moncloa

Com um roteiro bem espaçado, você conseguirá absorver mais o significado de cada lugar e sua importância para Madrid.

Prático => Acesso direto ao Estádio do Real Madrid

 

Roteiro de 5 dias em Madrid

Compras em Madrid

Não deixe de passear pela Rua Carmen. | Foto: Luis Garcia, via Wikimedia Commons

No quinto dia do seu roteiro em Madrid, você pode escolher fazer compras e visitar os Mercados Municipais da cidade.

São mais de 40 deles espalhados, sendo que os mais conhecidos são o Mercado de la Paz, o Mercado de los Mostenses, Mercado de Antón Martín, o Mercado de San Fernando e El Rastro.

Além disso, é fácil encontrar feiras ao ar livre de todos os tipos, como a de livros antigos perto do Jardim Botânico, e a de moedas e selos na Plaza Mayor.

Além disso, bairros como o Salamanca, as ruas Preciados e Carmen perto da Puerta del Sol e a Gran Vía, tem todos os tipos de lojas. Desde as mais luxuosas no Salamanca até as mais populares e tradicionais da Gran Vía.

Com certeza será muito prazeroso tirar um dia de compras em uma das capitais mais bonitas do mundo.

À noite você pode aproveitar para reservar um show de flamenco, por exemplo, ou outra atividade tradicional espanhola para fechar a viagem com chave de ouro.

Incrível => Show de flamenco em Palácio antigo

 

Como aproveitar seu roteiro em Madrid

Ir a Madrid e voltar achando que não viu o suficiente não é legal. Por isso a importância de conhecer pelo menos o mais importante, mesmo quando o cansaço parece querer acabar com os planos.

Em minha opinião, 3 dias é o mínimo de tempo que um roteiro em Madrid deveria durar, para conhecer os melhores pontos turísticos com tranquilidade.

A vantagem é que muitos desses lugares são de graça, como o Parque del Retiro, a Puerta del Sol, Plaza Mayor, Plaza de España, entre outros. Então talvez compense investir um pouco mais de tempo para conhecer tudo com o máximo de atenção.

Caso não tenha mesmo como ficar mais de 1 ou 2 dias em Madrid, aproveite para fazer um tour nos ônibus turísticos.

Agora que você já sabe como aproveitar o seu roteiro em Madrid, deixe nos comentários as atrações que mais te despertaram interesse em conhecer.

Você também vai gostar

Deixe um Comentário

* Ao usar o formulário você concorda com o armazenamento dos dados nesse site.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumimos que você concorda, mas pode desabilitar se assim preferir. Aceitar Saiba Mais