Home » Quanto custa viajar para Lisboa: preços

Quanto custa viajar para Lisboa: preços

por Eduardo Dias Araujo
Publicado: Última Atualização em 0 comentário

Quanto custa viajar para Lisboa? Seja por dia, seja durante uma viagem de ida e volta do Brasil, esta é uma das perguntas que mais tenho recebido. E não é à toa que a curiosidade pela capital portuguesa tenha crescido, já que ela está entre os melhores destinos para turistar, segundo levantamento feito pela Global Destination Cities Index, desde 2018.

Então se você está com viagem marcada para Lisboa ou se sonha conhecer esta cidade e quer saber quantos euros por dia em Portugal você irá gastar, neste artigo você saberá a média dos valores atualizados de hotéis, atrações turísticas, seguro viagem – item obrigatório para viagens pela Europa, alimentação, entre outros itens.

Dito isso, saiba que Lisboa é uma das capitais mais baratas da Europa para visitar. No entanto, isso não significa que ela não possa te oferecer experiências inesquecíveis, muito pelo contrário. A capital de Portugal é recheada de atrações turísticas, gastronomia rica, acessibilidade e turismo para praticamente todos os tipos de viajantes. Então fica por aqui e descubra um pouco mais sobre Lisboa neste artigo!

Planeje sua viagem => Onde ficar em Lisboa

Seguro viagem para Portugal »

 

Quanto custa viajar para Lisboa?

quantos euros por dia em portugal 2019

Bonde elétrico em Lisboa.

Lisboa oferece um excelente custo-benefício aos turistas. Isso porque na cidade você encontra diversas opções quando o tema é hospedagem e o mesmo se aplica a alimentação e atrações turísticas.

Isto é, mesmo que os cartões postais tenham preços fixos, que se modificam apenas durante o inverno e o verão, a cidade conta com inúmeras atrações gratuitas. Por isso, neste destino, a diversão e o turismo estão garantidos.

Só para ressaltar, um turista médio, que não está fazendo mochilão nem viajando com grande quantidade de dinheiro, deve gastar por volta de 100 euros por dia em Lisboa. Valor que não inclui hospedagem e voos.

Contudo, vale destacar que a indicação é levar pelo menos 70 euros por dia de viagem. Mas, para você ter uma ideia, é possível visitar a capital toda em 4 dias. Claro que em um tour mais agitado e sem incluir destino mais distantes no roteiro.

quantos euros por dia em portugal 2018

Compre o Euro turismo ainda no Brasil e nunca nos aeroportos.

No entanto, para te ajudar a ter uma noção melhor sobre gastos, em 8 dias de viagem – período em que os voos ficam mais barato do que 4 dias -, por alto, você deve investir cerca de R$ 8.656,99. Este valor inclui voos de ida e volta do Brasil, seguro viagem, hospedagem, alimentação, passeios turísticos e claro, uma margem de sobra para compras de lembrancinhas.

Contudo, mais uma vez vale a pena reforçar que o valor a ser gasto durante uma viagem até Lisboa dependerá não só da quantidade de dias, mas também do seu estilo de viajante. Então confira abaixo algumas cotações atualizadas sobre hotéis, restaurantes e passeios em Lisboa mais turísticos.

CLIQUE AQUI para agendar os melhores passeios em Lisboa »

 

Quais despesas terei em Lisboa?

Neste artigo irei abordar apenas as despesas básicas. Como citei acima, aqui você encontrará valores que deverá gastar com acomodações, transporte público, alimentação e passeios turísticos. Dito isso, saiba que se você seguir todas as dicas, poderá gastar ainda menos do que eu irei apontar, mas tudo é claro, dependerá do seu estilo de viajante!

Prático => Chip na Europa

 

Seguro viagem para Lisboa

quanto custa viajar para portugal 2019

Bagagens em Aeroporto

O seguro viagem é um item obrigatório para viajar pela Europa. Sem este item, muitas pessoas não conseguem nem sair do Brasil. Isso porque o seguro viagem garante não só a cobertura das suas despesas com saúde, em caso de enfermidade ou acidente, mas também dá uma ajudinha com perda de voo ou de bagagem.

Uma simulação feita no maior comparador de seguro viagem, o Seguros Promo oferece valores que variam entre R$ 83,28 até R$ 653,92 para 8 dias de viagem pela Europa. O valor não é algo gritante e vale muito a pena contratar o serviço, já que ele também deve garantir a sua passagem pela imigração em Portugal!

Passagem aérea para Lisboa

quanto custa uma viagem para portugal e espanha?

Viajar de avião por Portugal.

A forma mais rápida e prática de chegar a Portugal é de avião. O percurso também pode ser feito em um cruzeiro marítimo, mas este não é o foco do artigo de hoje. Dito isso, você pode chegar ao Aeroporto de Lisboa por meio de diferentes companhias aéreas. Entre elas estão a TAP, Air Europa, Latam e Ibéria.

Vale destacar que os preços das passagens aéreas dependem de diversos fatores. O primeiro deles é da época em que você irá viajar, já que no verão os valores tendem a ser maiores em relação ao inverno, o segundo está relacionado a antecedência da sua reserva.

Sabia que o Seguro Viagem é obrigatório na Europa?

Além de ser obrigatório nos países do Tradado de Schengen, a imigração de qualquer país pode solicitar o documento para permitir ou negar sua entrada.

Faça uma cotação online na Seguros Promo, comparando o preço nas melhores seguradoras. Aproveite e ganhe até 10% de desconto usando o cupom VIAJARNAEUROPA, é só clicar no botão.

 

Só para exemplificar, uma passagem adquirida com cerca de 3 meses de antecedência, em média temporada, custa cerca de R$ 3.164,43. Já uma passagem comprada 8 meses antes da viagem, para baixa temporada, sai por cerca de R$ 2.044,00.

Contudo, os valores ainda devem variar de acordo com o dia e horário da semana que você faz a busca, por isso, ao planejar uma viagem para Portugal, se organize com antecedência e esteja preparado para fazer a busca pela passagem aérea em diferentes dias e horários, só assim você conseguirá pagar o menor preço por este item!

Aprecie => Melhores degustações de vinhos de Lisboa

 

Hotéis em Lisboa

quanto custa viajar para portugal 2018Existem inúmeras regiões convidativas para você se hospedar em Lisboa. Só para ressaltar, entre as melhores regiões onde ficar em Lisboa (em breve) estão Marquês de Pombal, Avenida da Liberdade, Rossio, Baixa Chiado, Príncipe Real e Cais do Sodré.

A região do Marquês de Pombal, por exemplo, está próxima ao Parque Eduardo VII. Pela boa localização, já que o bairro está perto de praticamente todos os pontos turísticos do centro, esta é uma das opções mais populares entre os turistas que procuram locais interessantes, baratos e bem localizados.

Quanto gasto em Lisboa para se hospedar

Avenida da Liberdade | Foto: Joaomartinho63, via Wikimedia Commons.

Já a Avenida Liberdade, que fica ali ao lado, conta com ruas largas, cafés e lojas de grife. Por isso, quem busca uma área mais cosmopolita esta pode ser uma boa pedida. Quem prefere estar no centro de tudo, conta com o Rossio. Esta região possui muitos pontos turísticos, ruas centenárias, prédios históricos, praças, cafés e monumentos.

A região do Baixa-Chiado também é muito procurada pelos turistas dada a localização, já que está no coração de Lisboa e próximo do Bairro Alto, onde acontece a vida noturna de Lisboa. Já o bairro de Príncipe Real está cada dia mais em alta. No entanto, é válido destacar que ele também é um dos mais requintados e caros de Lisboa.

Quanto gasto em Lisboa com hotel em Baixa-Chiado

Baixa-Chiado | Foto: Benjamín Mejías Valencia, via Wikimedia Commons.

O Cais do Sodré por sua vez, assim como a Baixa lisboeta é super bem localizado e de lá você pode pegar comboio, autocarro e metro para outros destinos da cidade.

Confira abaixo 3 sugestões econômicas para você ter uma noção sobre o quanto deverá investir na hospedagem:

  • Lisboa Central Hostel é um espaço muito aconchegante, onde você deve investir cerca de R$ 200 por noite com café da manhã incluso. Outra comodidade é a proximidade do hostel com a estação de metrô.
  • Goodmorning Hostel é um espaço com classificação acima de 9. Por lá você paga cerca de R$ 115 por noite, com café da manhã incluído.
  • Yes Lisbon Hostel é muito procurado por quem quer gastar pouco, mas conhecer um espaço descolado. Nesta opção uma noite sai por menos de R$ 150.

Recomendo => Passeios próximos ao Palácio Nacional da Ajuda

 

Se locomover em Lisboa

Quanto gasto em Lisboa com o lisboa card

Foto: Luís Peres Marcelino, via Wikimedia Commons.

O transporte em Lisboa é simples, prático e bem conservado. Ou seja, esta é uma ótima opção para você que quer turistar pela capital portuguesa.

Para você ter uma ideia, por meio de trens, os famosos comboios portugueses, ou autocarros, como são chamados os ônibus em Portugal, você consegue chegar a qualquer canto da cidade. Além disso, em Lisboa você ainda pode optar por aluguel de carro em Portugal, metrô, táxis, bonde, aplicativos de viagens, elevadores.

Quanto gasto em Lisboa com transporte

Foto: Alain GAVILLET, via Wikimedia Commons.

Para facilitar a vida dos turistas, os portugueses criaram o cartão Lisboa Card. Além de transporte público, ele inclui alguns monumentos e passagem de trem para Sintra e Cascais. Assim, você pode pagar cerca de 17,50 euros para usar o cartão por um período de 24 horas ou 36 euros para 72 horas.

Ao viajar para Lisboa, caso você passe 4 ou mais dias na cidade, uma das primeiras coisas que você precisa saber sobre o transporte público é que para economizar é preciso comprar o cartão 7 Colinas ou Viva Viagem.

Quanto gasto em Lisboa para ir de um lado a outro da cidade

Elevador Santa Justa | Foto: David Sim, via Wikimedia Commons.

Eles são magnéticos recarregáveis e oferecem os melhores descontos para se locomover na capital. Além disso, eles custam 0,50 e servem para todos os meios de transporte. Por isso, não jogue fora o seu cartão!

 

Média de preços dos transportes em Lisboa

Confira abaixo a lista dos meios de transporte disponíveis em Lisboa e seus respectivos valores:

  • Metrô: O metro possui preço fixo, então o Cartão Eletrônico 7 Colinas / Viva Viagem custa 0,50 euros e a viagem 1,45 euros. O bilhete 24 horas Rede sai por 6,30 euros.
  • Autocarro (Ônibus): O preço do bilhete do autocarro varia de local para local. Ou seja, dentro de Lisboa você pode pagar desde 1,80 euros até mais de 2 euros. O valor é calculado de acordo com o trajeto que você fará. Por isso, vale a pena usar o pesquisador de trajeto e ver qual meio de transporte sai mais em conta. .
  • Comboios: Os comboios também são uma ótima opção de transporte público para circular por Lisboa. Isso por que eles também conseguem chegar a maior parte dos destinos da capital e não custa tão caro. Além disso, assim como as outras empresas de transporte público de Lisboa, a CP, responsável pelos comboios, também oferece diversas opções de bilhetes turísticos, e além de se deslocar pela cidade, você também poderá visitar alguma exposição ou ponto turístico.
  • Táxi: O táxi é uma opção muito usada por famílias ou grupos de amigos que viajam por Lisboa. Isso por que o serviço é bastante confiável e barato, quando comparado aos padrões de vida de Portugal. Só para ilustrar, do Aeroporto de Lisboa até o centro da cidade, você não deverá gastar mais de 15 euros.
  • Uber: O Uber já é bem popular em Portugal. No entanto, ele ainda possui algumas limitações. A primeira delas é que ele só aceita cartão de crédito, ou seja, mesmo que você pague barato pela viagem, não se esqueça que terá de pagar a taxa do cartão de crédito e o IOF, serviços cobrados pelos bancos brasileiros.
  • Aluguel de Carro: Outra opção para quem deseja turistar por Lisboa é alugar um carro no aeroporto ou agências espalhadas pela capital. Entre elas estão: Europcar, Goldcar, Enterprise, Sixt, Alamo, Avis e Hertz.
  • Bonde: Os bondes são outra opção de transporte para circular por Lisboa. Além disso, eles por si só são uma atração turística da cidade. Entre os principais estão o Bonde 28 e o Bonde 15e. A passagem comprada a bordo custa 2,90 euros e com o cartão 7 Colinas / Viva Viagem sai por 1,45 euros.
  • Elevadores: Lisboa possui alguns meios de transporte interessantes, um deles são os elevadores. Entre eles estão o Lavra, Glória, Bica e Santa Justa. Os 3 primeiros custam 3,70 euros, o último 5,15 euros, se comprar o bilhete a bordo, mas também podem custar 1,45 euros com os cartões Viva Viagem ou 7 Colinas.

Confira => Melhores nos arredores do Elevador de Santa Justa

 

Alimentação em Lisboa

Quanto gasto em Lisboa com restaurantes de rua

Foto: Jorge Brazilian, via Wikimedia Commons.

Os restaurantes em Lisboa são diversificados, típicos, com culinária farta, nova e tradicional. Para você ter uma ideia, nas ruas da capital portuguesa você encontra desde inúmeras opções de pratos feitos com bacalhau – entre os mais famosos está o bacalhau à Brás e o bolinho de bacalhau -, até pastéis de Belém, frutos do mar, caracóis, enchidos, iscas e churrascos.

No entanto, lanches rápidos como os pregos e as bifanas (pão com carne de vaca ou porco), restaurantes chineses e as comidas vegetarianas também tem ganhado espaço na cidade nos últimos anos.

Vai viajar e precisa ter internet 100% do tempo no seu celular?

Ter internet é essencial para usar aplicativos como Uber e Google Maps, além de conversar no WhatsApp e postar aquela foto no Instagram.

Devido a nossa parceria com a EASYSIM4U, clicando no botão abaixo você ganha o frete grátis para comprar qualquer chip e receber em casa, e assim ter conexão em até 210 países.

 

Quanto gasto em Lisboa para comer peixes

Bacalhau à Brás português | Foto: Fpenteado, via Wikimedia Commons.

Contudo, além da variedade de sabores, as cozinhas portuguesas de Lisboa também possuem, no geral, preços bem acessíveis. Vale destacar que quanto mais tradicional for o estabelecimento, mais bem servido e em conta ele costuma ser.

Só para ressaltar, entre os pratos prediletos dos portugueses e brasileiros, que visitam ou moram no país, estão os tradicionais bitoques (bife de vaca  com ovo a cavalo, batata frita e arroz), mariscos, peixes grelhados, arroz de marisco, carne de porco à alentejana, feijoadas, frango com caril.

Quanto gasto em Lisboa com restaurantes

Típicos pastéis de Belém de Portugal | Foto: Varaine, via Wikimedia Commons.

No geral, uma refeição completa: entrada, prato, bebida, sobremesa e café, custa entre 10 e 15 euros por pessoa. Claro que existem lugares mais em conta, contudo, ter este valor em mente te ajudará a organizar a sua planilha de gastos com alguma folga.

Além disso, a maior parte dos turistas que desejam economizar fazem apenas uma refeição na rua. Ou seja, almoçam ou jantam em restaurante e a segunda refeição faz no hotel, com comida comprada em mercados, fica a dica! Mas para você ter uma ideia melhor, confira abaixo três sugestões de bons restaurantes em Lisboa:

  • Casa de Pasto: A Casa de Pasto fica no Cais do Sodré e tem ganhado destaque em decorrência dos pratos apresentados pelo chef Hugo Dias de Castro. Entre os pratos mais pedidos estão o xerém de bivalves, que custa 4 euros. Este prato consiste em uma papinha feita à base de farinha de milho. No entanto, ela possui uma textura granulada. Apesar de ser muito famoso em Lisboa, este é um prato típico de Olhão. Por lá ele é frequentemente preparado com ameijoas, toucinho, presunto e chouriço. Contudo, na Casa do Pasto, ele é servido junto com diversos pratos feitos em brasa, um deles é o peixe do dia, que pode chegar a custar 19 euros.
  • Zé Varunca: O Zé Varunca é um restaurante famoso e barato, onde a sopa de tomate faz sucesso e custa apenas 5,50 euros. Esta unidade fica no Bairro Alto. Só para ilustrar, a sopa de tomate tem origem alentejana, mas faz grande sucesso na capital. Outro prato que faz sucesso no restaurante é o entrecosto, ele custa 10,50 euros.
  • Go Natural: O Go Natural faz parte de uma rede de restaurantes focada em comida saudável. A unidade indicada hoje fica no Chiado e possui pratos com preços a partir dos 7,50 euros. Nele você encontra desde saladas e brunch deliciosos, até comidinhas rápidas a base de batata.

Culinária local => Food tours em Lisboa

 

Passeios em Lisboa

Quanto gasto em Lisboa para visitar a Torre de Belém

Torre de Belém.

São inúmeros os pontos turísticos de Lisboa. Na cidade você encontra movimento e animação. Só para ilustrar, na capital portuguesa você encontra desde museus e monumentos históricos, até espaços modernos e acolhedores. Confira abaixo algumas sugestões de passeios em Lisboa (em breve) imperdíveis que você precisa conhecer neste destino:

  • Rio Tejo
  • Castelo de São Jorge
  • Elevador de Santa Justa
  • Palácio Nacional da Ajuda
  • Convento do Carmo
  • Panteão Nacional
  • Miradouro e Igreja da Graça
  • Miradouro Portas do Sol
  • Miradouro Senhora do Monte
  • Praça do Comércio
  • Alfama
  • Torre de Belém
  • Mosteiro dos Jerônimos
  • Padrão dos Descobrimentos
  • Oceanário de Lisboa
  • Teleférico de Lisboa
  • Praça do Rossio

Saiba como ter => Internet em Portugal

 

Quanto custa viajar para Lisboa

No artigo de hoje você pode perceber que os valores que irá gastar durante uma viagem por Lisboa irá depender muito mais do seu estilo de viajante do que dos preços fixos de atrações turísticas ou transportes públicos. Uma vez que você deve enquadrar passeios aos seus objetivos, você tanto poderá gastar mais quanto menos do que eu aponto aqui.

Entre algumas sugestões para economizar está não fazer refeições em restaurantes, fazer passeios a pé, visitar locais que possuem entrada gratuita, se hospedar em hostels.

No entanto, não se esqueça que quanto mais você se organiza e faz suas reservas com antecedência, mais você economiza. Assim, reservar um hotel 3 estrelas, por exemplo, pode sair no mesmo valor que um hostel, caso você faça a reserva de última hora.

Além disso, não se esqueça que não só Lisboa, mas todas capitais e países europeus se tornam mais caros durante o verão – época de alta temporada que vai de junho a agosto.

Sendo assim, no inverno, período que vai de dezembro a março, os valores de atrações turísticas e hospedagens, além de passagens áreas costumam cair. Se lembre também que os valores indicados hoje são uma média de 2019. Por isso, ao planejar a sua viagem, refaça todas as cotações.

E para finalizar, veja um vídeo sobre os vinhos da Portugal no vídeo publicado pelo site oficial de turismo de Lisboa:

Foram interessantes as dicas aqui listadas para você? Qual foi a sua experiência com gastos em Lisboa? Comente!

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR DE

Deixe um Comentário