Leste Europeu: mapa, países e dicas de turismo

por Juliana Pina

Quem busca destinos mais baratos para viajar pela Europa, não deve deixar de incluir os países do Leste Europeu na lista, pois além de ter um bom custo-benefício se comparado a outras partes do continente, eles ainda têm uma beleza fascinante. Por esses motivos, viajar por essa região tem atraído cada vez mais turistas.

São cidades com sinagogas ostentando grandeza ao lado de igrejas monumentais, bairros judeus que são uma verdadeira aula de história, ruas charmosas e construções que lembram a época imperial. Essa mistura harmoniosa entre passado e presente torna os países localizados no Leste Europeu muito interessantes.

Para não deixar dúvidas de como eles são destinos que valem a pena, preparamos um artigo sobre quais são os países mais turísticos e o que você pode fazer pelo leste do continente.

Planeje sua viagem => Hotéis mais baratos na Europa

Seguro viagem Europa »

 

Leste Europeu e suas belezas

Lugares mais bonitos do leste Europeu

Lago Bled na Eslovênia é um dos lugares mais bonitos da Europa.

Os países do Leste Europeu já foram palco de dinastias, guerras e lutas; hoje, o que encontramos é um povo rico culturalmente, cidades com arquiteturas imponentes e diferentes religiões em um mesmo local. Toda essa união completa a experiência de quem passa pela região.

CLIQUE AQUI agendar os melhores tours na Europa » 

 

Mapa com os países do Leste Europeu

 

  • Armênia
  • Arzebaijão
  • Belarus
  • Bósnia e Herzegovina
  • Bulgária
  • Croácia
  • Eslováquia
  • Eslovênia
  • Estônia
  • Geórgia
  • Hungria
  • Letônia
  • Lituânia
  • Macedônia
  • Moldávia
  • Montenegro
  • Polônia
  • República Tcheca
  • Romênia
  • Rússia
  • Sérvia
  • Turquia (parte européia)
  • Ucrânia

Fácil => Chip na Europa

 

Turismo nos países do Leste Europeu

Croácia

Pontos turísticos da Croácia

Parque Nacional de Krka na Croácia.

Esse país é ideal para quem busca fascinantes praias no Leste Europeu. Até poucos anos atrás, a Croácia vivia momentos difíceis.

Porém, sua independência finalmente chegou após guerras na antiga Iugoslávia nos anos 90 e, mesmo jovem, vem conquistando turistas de diferentes partes do mundo por causa das suas belezas naturais de tirar o fôlego.

Dentre os belíssimos parques, recomendo o Parque Nacional dos Lagos de Plitvice e o Parque Nacional de Krka. Em ambos, os viajantes podem explorar cachoeiras, trilhas, grutas e lagos considerados os mais bonitos do mundo, como os encontrados no primeiro parque; quem escolhe o segundo, tem a oportunidade de ver de perto as ruínas de um mosteiro e de um castelo.

Uma das mais conhecidas praias é a de Banje, localizada na cidade de Dubrovnik (onde foi filmada a série “Game of Thrones”); além do mar de águas transparentes, da praia é possível admirar a muralha que cerca a cidade.

Para quem prefere o lugar para se hospedar, tem ainda uma outra boa notícia: o lugar conta com aeroporto, com vôos partindo de vários outros países europeus, o que facilita sua chegada por lá. Descubra qual a melhor companhia aérea para viajar para Europa.

Os amantes de história também podem encontrar na Croácia a chance de ver de perto um palácio que começou a ser construído no século 3. Localizado na cidade de Split e erguido por ordem do imperador romano Diocleciano, o Diocletiaa’s Palace é um dos pontos mais visitados do país.

Uma curiosidade sobre o país é que trata-se de uma boa dica para viajar barato para Europa; a moeda dos croatas é a Kuna Croata e uma cotação mais próxima seria que 1 Kuna vale 0,58 centavos de real.

Imperdível => Excursão Game of Thrones em Dubrovnik

 

Hungria

Atrativos de Budapeste

Chain Bridge cruza o Danúbio e liga Buda a Peste.

Apesar de muitos países fazerem parte do Leste Europeu, alguns deles têm feito sucesso no gosto dos turistas e capital da Hungria, Budapeste, certamente é um deles.

Além de atrair vários tipos de visitantes, a cidade chama a atenção pelo preço; o custo de vida é barato graças a moeda que eles adotam: o Florim Húngaro (R$ 0,013). Saiba qual país mais barato viajar na Europa.

Sabia que o Seguro Viagem é obrigatório na Europa?

Além de ser obrigatório nos países do Tradado de Schengen, a imigração de qualquer país pode solicitar o documento para permitir ou negar sua entrada.

Faça uma cotação online na Seguros Promo, comparando o preço nas melhores seguradoras. Aproveite e ganhe até 10% de desconto usando o cupom VIAJARNAEUROPA, é só clicar no botão.

 

Mas, antes de incluí-la na sua rota, é importante saber também que a cidade é dividida pelo Rio Danúbio no lado Buda e no lado Peste. A maioria das pessoas procura se hospedar em Peste, pois os preços por lá são melhores.

Quem escolhe esse lado, pode descer na estação de metrô Deàk Ferenc Ter e começar o tour pela Budapeste Eye, uma roda gigante praticamente na praça Elisabeth, outro ponto importante da cidade. Uma dica é que de noite ela é ainda mais bonita!

Se você é o tipo de turista que gosta de conhecer a cidade a pé, o mais indicado é seguir caminhando por ali até encontrar a famosa e imponente Basílica de Santo Estevão, a rua Andrassy cheia de lojas e a Hungrian State Opera.

No mesmo dia, ainda é possível ir até o Castelo do Buda atravessando o Rio Danúbio; na saída do Castelo, é possível descer as escadas que deixam em frente ao enorme Parlamento.

Para finalizar o dia, vale a pena conhecer a vida noturna da cidade e escolher um dos inúmeros bares e boates típicos de Budapeste.

Mas os atrativos turísticos não param por aí. Para quem fica mais dias na capital, não deve deixar de conhecer a Hero’s Square, as piscinas de águas termais e o Mercado Central de Budapeste.

Desfrute => Cruzeiro com jantar à luz de velas em Budapeste

 

Polônia

Roteiro pelo Leste Europeu

Curiosa arquitetura em Varsóvia.

A Polônia costumava ser um país que não fazia parte do roteiro de muitos brasileiros. Porém, esse fato mudou; repleta de acontecimentos importantes para a história mundial, rico em cultura e com boa qualidade de vida, o turismo tem crescido nos últimos tempos e trata-se de uma boa pedida para o seu tour pela Europa.

Sua capital Varsóvia é a junção de tudo isso. Totalmente destruída durante a Segunda Guerra Mundial, hoje ela é moderna e vibrante, mas guarda um pouco do seu passado reconstruído na parte velha da cidade.

São os edifícios coloridos, o Castelo Real, um antigo mercado, museus sobre a guerra e a Catedral de São Sebastião que agradam os visitantes. As praças com restaurantes e cafés aconchegantes completam o charme da cidade.

Aproveitando que a moeda polonesa também não é o euro, e sim o Zloty (R$ 1), vale a pena dar uma esticada no país e conhecer os encantos da Cracóvia, um dos lugares baratos para viajar na Europa. Ao sul do país, a cidade tem um ar jovem e descolado graças ao grande número de estudantes que a habitam.

Mas Cracóvia também é o lugar ideal para quem quer aprender sobre a história da segunda guerra. O bairro judeu, pode ser um ponto de partida; com forte lembranças de perseguição no passado, hoje ele abriga vários bares e galerias de arte, sendo um dos bairros com melhor vida noturna de toda a cidade.

Para quem fica mais dias no sul do país, uma dica é visitar Auschwitz-Birkenau; o local foi um dos maiores campos de concentração durante a guerra e ficou imortalizado nos livros e nos filmes.

Confira => Excursão guiada a Auschwitz-Birkenau

 

República Tcheca

Pontos turísticos de Praga

Castelo de Praga é o principal ponto turístico da cidade.

Talvez um dos lugares mais encantadores do Leste Europeu seja a capital tcheca, Praga. Visitar a cidade é voltar ao passado e se deixar levar pela magia do lugar. Confira dicas para fazer um mochilão pela Europa.

O Castelo de Praga (o maior do mundo) é praticamente uma cidade. Isso porque o local foi onde se deu o inicio de Praga.

Atualmente, ele é uma das atrações mais famosas da região e conta ainda com um pôr-do-sol de tirar o fôlego, que pode ser visto na ponte Carlos Praga, que dá acesso ao local.

O charme da capital vai além e, na Praça da Cidade Velha, o turista pode sentir isso. As pequenas ruas que dão acesso a ela são um atrativo a parte; é impossível passar entre elas e não experimentar o delicioso Trdelník, doce tão popular que você encontrará em várias lojinhas.

Depois de se apaixonar pelo sabor da culinária, é hora de assistir a uma hora cheia no Relógio Astronômico e admirar uma apresentação minimalista que finalizam nas badaladas e nos aplausos do público.

O roteiro da cidade pode ser combinado com outros países da Europa Oriental (Polônia e Eslováquia) e ficar lá por três dias é suficiente. Leia também sobre aluguel de carro na Europa.

Quem permanecer por mais tempo, pode explorar uma outra cidade belíssima na República Tcheca. A interiorana Cesky Krumlov é Patrimônio Mundial da Unesco e abriga cenários que transportam a um passado rico e luxuoso; o melhor é que da capital é possível fazer um bate-volta.

Para sua viagem ser ainda mais incrível pelas simpáticas cidades da República Tcheca, lembre-se que a moeda usada por eles é a Coroa Tcheca. Por isso, quem vai para o país precisa trocar o dinheiro. Em alguns lugares mais turísticos, o euro é até bem aceito. Mas, lojas pequenas e supermercados, não.

Vai viajar e precisa ter internet 100% do tempo no seu celular?

Ter internet é essencial para usar aplicativos como Uber e Google Maps, além de conversar no WhatsApp e postar aquela foto no Instagram.

Devido a nossa parceria com a EASYSIM4U, clicando no botão abaixo você ganha o frete grátis para comprar qualquer chip e receber em casa, e assim ter conexão em até 210 países.

 

Incrível => Tour guiado pelo Castelo de Praga

 

Rússia

Roteiro pela Rússia

Canais de São Petersburgo tornaram a cidade conhecida como “Veneza do Norte”.

A grandiosidade do território russo é refletido nas construções da sua capital Moscou. Os edifícios imponentes reforçam o período do domínio soviético no passado.

Hoje, a Rússia vem conquistando turistas que não cansam de se impressionar com as fascinantes cidades. Confira o guia completo com o que saber antes de viajar para Europa.

Normalmente, o destino mais cobiçado é a capital Moscou, com lugares como a Praça Vermelha e o poderoso Kremlin, além da colorida e chamativa Catedral de São Basílio.

Considerada o monumento mais famoso de quem passa por Moscou, a igreja ortodoxa foi finalizada em 1561 e abre diariamente, mas os horários variam no inverno e no verão.

Quase na entrada do golfo da Finlândia está a cidade São Petersburgo. Para o viajante que gosta de se aventurar a pé, o local é ideal e conta com monumentos, igrejas, teatros, parques e palácios em vários pontos da cidade.

Quem busca um turismo por museus, não deve deixar de ir ao glamouroso Hermitage, localizado no Palácio de Inverno; além de ser um dos maiores do mundo com obras de arte, o museu abriga coleções com valor imensurável para a cultura russa.

Outro importante valor para os russos está na culinária. Apesar de conhecido por muitos brasileiros, o strogonoff é um prato originalmente da Rússia; então, se você pensa em ir ao país, não deve deixar de experimentar a verdadeira receita!

É sempre bom reforçar que o país é um dos mais congelantes, por isso durante o seu planejamento de viagem não esqueça de colocar na mala as tradicionais roupas para o inverno europeu. Na capital, a temperatura negativa já começa em novembro, podendo ir até março.

Na Rússia a moeda também é outra o Rúbio, que equivale a R$ 0,060.

Sem fila => Museu Hermitage em São Petersburgo

 

Conheça o Leste Europeu

Por ter moedas mais em conta que o euro, os países do Leste Europeu são ótimos para o turismo. Outra vantagem é que devido a proximidade, é possível se locomover de um para o outro quando viajar de trem pela Europa.

Com toda certeza, o maior ganho em viajar pelos países do Leste Europeu é se impressionar com uma cultura diferente e com cidades admiráveis.

A região tem encantos para todos os gostos. O viajante poderá escolher desde belezas naturais de tirar o fôlego até construções que impressionam; tudo isso ao lado de um povo rico em conhecimento e costumes.

E, para finalizar, confira um vídeo lindo publicado pelo site oficial de turismo da República Tcheca sobre como aproveitar Praga, como um local! Imperdível!


E você, quais os países do Leste Europeu que mais deseja conhecer? Deixe sua resposta nos comentários!

Você também vai gostar

Deixe um Comentário

* Ao usar o formulário você concorda com o armazenamento dos dados nesse site.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumimos que você concorda, mas pode desabilitar se assim preferir. Aceitar Saiba Mais