21 dicas para viajar sozinho na Europa sem problemas

por Gabriella Mognon

Viajar sozinho na Europa pode ser uma grande experiência na vida de alguém. Além da tranquilidade de poder escolher exatamente onde, quando e como ir, se você nunca teve a oportunidade de passar um tempo consigo mesmo, com certeza essa será uma ocasião de ouro para seu autoconhecimento e crescimento pessoal.

Seja pela simples experiência de estar em um lugar completamente novo ou pela dificuldade de planejar férias junto de outras pessoas, viajar sozinho a cada dia mais é uma ótima opção entre os amantes de viagens.

Apesar de ser um destino muito procurado pelos brasileiros, uma dúvida que sempre surge é quanto à segurança de viajar sozinho para a Europa. De forma geral, os países são muito mais seguros do que o Brasil; claro que existem as grandes cidades turísticas, onde é preciso ter um pouco mais de atenção, mas nada que te impeça de fazer o seu tranquilamente pela Europa.

Planeje sua viagem => Hotéis mais baratos na Europa

Seguro viagem Europa »

 

É seguro viajar sozinho para a Europa?

SIM! Por isso é um dos destinos mais procurados por viajantes solo.

Segundo levantamento feito pelo Legatum Institute em 2018, estão entre os países mais seguros do mundo a Noruega, Japão, Cingapura, Hong Kong, Irlanda, Malta, Noruega, Áustria, Dinamarca e Islândia. Dentre os 10 países, 7 são europeus, o que demonstra alto índice de segurança da Europa.

CLIQUE AQUI agendar os melhores tours guiados na Europa » 

 

Dicas para viajar sozinho para a Europa

1) Comunique-se

Como é viajar sozinha para a Europa?

Busque sempre interagir, mesmo sem dominar o idioma local.

A primeira dica sempre é que você consiga se comunicar com as pessoas de alguma forma. Não que você deva aprender o idioma de cada país que visitará, mas se souber pelo menos um pouco de inglês e talvez o básico de alguns países sua viagem será mil vezes mais fácil.

Quando se viaja sozinho muitas vezes é preciso contar com a ajuda de outras pessoas, seja para entender como algo funciona naquele país, como, por exemplo, o transporte público; ou para pedir informação de como chegar a um lugar. Principalmente na imigração, evitará problemas simplesmente por não saber se explicar.

E se comunicar, não necessariamente precisa ser somente com palavras. Use o celular para te ajudar e, se preciso for, uma cartinha em inglês lhe apresentando e dizendo seus motivos de viagem.

Como funciona? => Chip na Europa

 

2) Perca a vergonha

Dicas para quem vai viajar sozinho

DSdd

Não tenha medo de se comunicar mesmo que você ainda não domine o idioma. Muitos viajantes deixam de fazer amizades e aprender mais sobre o local por insegurança em não possuir uma boa desenvoltura na língua.

Cedo ou tarde você aprenderá que para viajar sozinho a vergonha precisa ser deixada de lado, pois você precisará se comunicar com outras pessoas em algum momento.

E a maioria dos nativos não vai ligar se seu inglês é perfeito ou se você sabe mais ou menos se virar no Francês; elas te ajudarão na maioria dos casos se puderem, mas para isso você precisará tentar. Ficar medindo o inglês do viajante é coisa que acontece entre pessoas conhecidas, os moradores farão sempre o esforço para lhe compreender, sem julgamentos.

 

3) Use o celular

Internet na Europa

Use o celular com moderação para não ficar sem bateria na rua.

O Google provavelmente será um grande aliado na sua viagem, seja para procurar a tradução de alguma palavra e conseguir se comunicar, para descobrir onde fica determinado lugar e buscar o que mais de informação for útil para você, que estará em um mundo completamente novo. E para entender mais sobre o continente antes de embarcar, confira também o mapa da Europa atual.

Antes de sair do Brasil prepare o seu celular para as funcionalidades que lhe serão úteis na Eurotrip. Baixe os app necessários, limpe a memória para não ter problemas de lentidão, deixe mais fáceis as ferramentas que sempre vai usar, como maps, câmera e tradutor.

4) Fique de olho na bateria

Usar celular na Europa

Bateria extra é fundamental.

Para isso, tenha consigo uma bateria de celular extra para não passar sufoco na rua e deixar de saber como voltar para sua hospedagem caso as pessoas da região não saibam te explicar.

Elas custam pouco na internet e podem salvar sua vida em um momento de necessidade. E, por falar em dinheiro, veja também qual o mês mais barato para viajar para a Europa.

Uma coisa muito importante que você deve levar em consideração é que o frio pode danificar o seu aparelho. Isso mesmo. Temperaturas baixas tendem a descarregar mais rápido a bateria e, além disso, o sistema pode dar um bug e o aparelho deixar de funcionar em algumas situações. Isso é uma exceção, é claro.

Porém, não custa deixar o alerta: tenha tudo impresso! QR Codes, reservas, endereços, etc.

 

5) Pesquise

mulher viajando sozinha na Europa

Pesquisar é uma forma de ser sentir seguro durante toda a viagem.

Procure tudo o que você puder antes: os preços, onde deve pegar o transporte, qual a moeda do país… Isso te ajudará a estar mais tranquilo frente a uma nova realidade.

Somos seres altamente adaptáveis, isso significa que ainda que você esteja em um país com uma cultura muito diferente, basta buscar um pouco de informação para entender como as coisas funcionam e em pouco tempo estará familiarizado ao novo mundo que conhecerá.

E outra: na internet, existem muitas pessoas que disponibilizam informações super úteis, como esse blog de viagem. Leia também os comentários dos hotéis, das empresas que prestam serviço e aproveite esse tempo para já iniciar a sua trip. Afinal, durante o planejamento, a emoção já começa a ser sentida!

Como funciona => Aluguel de carro na Europa

 

6) Ande com dinheiro

Tenha dinheiro em espécie com você, pois, alguns lugares podem não aceitar cartão. Porém, divida-o em vários lugares: um pouco na mochila, no tênis e no bolso interno do casaco. Descubra com viajar barato para Europa.

E pesquise bem qual é o melhor lugar para fazer câmbio. Na dúvida, não faça câmbio paralelo. Utilize somente casas de câmbio oficiais, seja presencialmente ou compre euro pela internet (em breve). Evite fazer transações às margens da lei. Melhor perder alguns centavos do que se envolver em enrascadas.

 

7) Guarde dinheiro

Como guardar dinheiro em uma viagem

Por precaução, não saia da sua acomodação com todo o seu dinheiro.

Não leve todo seu dinheiro com você, deixe uma parte escondida na mala no lugar onde você estiver hospedado; inclusive se tiver mais de um cartão de crédito, melhor também levar apenas um consigo.

Caso algo aconteça o dano será menor. Dê preferência aos lugares que têm cofre. Se você quiser sair com todo o seu dinheiro, tenha ao menos um porta-dólar para levar na cintura. Jamais coloque dentro de bolsas, pois elas são mais passíveis à perda ou esquecimento.

Sabia que o Seguro Viagem é obrigatório na Europa?

Além de ser obrigatório nos países do Tradado de Schengen, a imigração de qualquer país pode solicitar o documento para permitir ou negar sua entrada.

Faça uma cotação online na Seguros Promo, comparando o preço nas melhores seguradoras. Aproveite e ganhe até 10% de desconto usando o cupom VIAJARNAEUROPA, é só clicar no botão.

 

 

8) Use cadeado

Como evitar golpes da Europa

Prevenir, é melhor que remediar.

Se estiver em um hostel, é preferível trancar seus pertences com cadeado, pois o quarto será dividido com outras pessoas.

Os hostels na Europa costumam ser muito seguros, inclusive para mulheres em quartos mistos, mas é bom prevenir. Na verdade, o cadeado vai te ajudar sempre, até mesmo no aeroporto ou nas estações de trem. Evitando golpes na bagagem (em breve). Aprenda também como viajar de trem pela Europa.

 

9) Tire cópias dos documentos

Passaporte na Europa

Tenha cópia físicas ou digitais dos seus documentos e cartões.

Seu passaporte é seu documento de identidade fora do Brasil, ande sempre com ele.  Por isso tenha muito cuidado para não o perder, senão terá a maior dor de cabeça para ir declarar a perda; provavelmente, deverá retornar ao seu país de origem e fim da viagem. Saiba tudo sobre validade do passaporte para viajar para Europa.

Por questão de segurança, tenha uma cópia dos seus documentos para caso de perda ou roubo, assim ao menos possuirá os dados deles (vale também para cartões de crédito). Na verdade, essa cópia pode ser digital: fotografe ou scanneie e guarde na nuvem.

E ande sempre com tudo em um porta-dólar na cintura. É bem comum, você ir pedir informações para policiais na rua (eu sempre acho que é mais confiável hihihihi) e a primeira coisa que eles pedem antes de responder a sua pergunta são os seus documentos.

 

10) Pergunte aos moradores

Dicas para mochilão na Europa

Não tenha vergonha de pedir informações aos locais.

Peça informação para os moradores locais. Se você deseja fazer um passeio até tarde ou ir a um bairro que não conhece, pergunte para as pessoas nativas; elas com certeza saberão te dizer mais sobre o lugar e também sobre a segurança dele.

Abuse do recepcionista do seu hotel ou  hostel ou do seu anfitrião, caso você alugue um apartamento. Certamente, eles terão as melhores informações para te ajudar.

 

11) Cuidado com os “pega-turistas”

Cuidados de uma viagem pela Europa.

Fique sempre alerta.

Fique mais atento nas cidades grandes e turísticas. Se alguém oferecer para tirar uma foto sua com seu celular ou sua câmera sem que você tenha pedido, pense se vale a pena aceitar antes de entregar sua máquina ou celular na mão de um desconhecido. Pode até ser apenas alguém bem-intencionado, mas nunca se sabe.

Mas esse é só uma das dezenas de golpes na Europa (em breve) que você pode ser vítima. Embora seja um continente seguro, muitos espertinhos querem ganhar a vida fácil.  A dica é simples: não fique de conversa com pessoas que lhe abordam na rua para oferecer coisas: seja passeios, fitinhas, assinar e contribuir com projetos, ongs etc.

Não guarde nada para ninguém que não conheça, não coma nada, nem beba nada oferecido aleatoriamente na rua e  se mantenha em alerta.

Compare => Bilhetes de trem em oferta na Europa

 

12) Faça amizades

mochilão pela Europa

Permita-se bater um papo com os locais.

Uma das maiores vantagens de viajar sozinho é conhecer novas pessoas no caminho. É possível levar amizades duradouras de todos os lugares do mundo se você se permitir de fato a conhecer pessoas.

Então, permita-se bater um papo com os funcionários e hóspedes do lugar onde estiver hospedado, alguém que sentar próximo a você em uma lanchonete ou bar.

Turistas, como você, geralmente estão abertos a partilhar experiências e conhecer novas pessoas; então esteja você também e verá quantas coisas incríveis podem surgir dessa viagem.

 

13) Perca o medo

Como viajar sozinho para a Europa

Não tenha medo de desbravar e conhecer a Europa.

Você provavelmente se sentirá ansioso na sua primeira viagem sozinho ou sozinha. Afinal, é natural ter medo frente ao desconhecido.

Mas não deixe que isso te impeça de fazer algo, o medo passa e você logo se acostumará.

 

14) Ande em lugares seguros

Dicas da Europa

Evite bebedeiras ou convites de estranhos.

Para as mulheres, essas viagens podem ser mais aterrorizantes; então evite andar sozinha a noite em um lugar onde você não tem certeza sobre a segurança e sempre avise alguém sobre sua localização.

Com essas dicas você se sentirá mais tranquila, ainda que você tenha decidido cair no mundo e viajar sozinha por qualquer parte da Europa, inclusive a Europa Oriental.

Mas, não só as mulheres devem se precaver. Qualquer turista que não conheça bem o lugar, deve evitar situações vulneráveis, como beber demais, aceitar convites para casa de pessoas que você acabou de conhecer, aceitar caronas sem recomendação entre outros.

 

15) Tenha internet ilimitada

Internet na Europa

Ficar conectado é um grande trunfo para viajantes solitários.

Muitos lugares turísticos oferecem wi-fi gratuito, seja na praça principal da cidade ou nos bares e cafés. Porém, não dependa só deles e tenha um chip local ou internacional que te forneça internet quando você precisar e não tiver wi-fi.

Acho essa uma das dicas mais importantes. Sua viagem com internet 24h no celular é outra experiência. Você diminui muito as chances de se perder por conta do GPS, dá para mandar notícias sempre (caso você tenha deixado alguém importante), pesquisar horários, passeios etc.

Já viajei sem e com internet ilimitada e eu garanto: minha experiência foi totalmente diferente. Encontrei lugares mais baratos, pontos turísticos mais próximos uns dos outros, acompanhava meu trajeto dentro do transporte público para saber se estava mesmo na direção correta. e até fazia ligações em vídeo para mostrar algum lugar bonito.

 

16) Faça seguro viagem

Preço do seguro viagem para Europa

Seguro viagem é primordial.

Além de obrigatório, ter um seguro viagem para um tour sozinho pela Europa é imprescindível. Adoecer é péssimo em qualquer ambiente, mas imagine sozinho e longe de casa?

Economia nenhuma justifica não fazer o seguro viagem Europa até porque ele custa infinitamente menos do que um atendimento médico emergencial na Europa. Depois de feito, leve a apólice com você e o seu número de cobertura junto ao passaporte.

Se  ideia é economizar, leia qual é o país é mais barato para viajar na Europa. E descubra também como comprar seguro barato para a Europa para viajar sozinho e tranquilo através do site da Seguros Promo.

Imperdível => Excursões de natureza e aventura na Europa

 

Vai viajar e precisa ter internet 100% do tempo no seu celular?

Ter internet é essencial para usar aplicativos como Uber e Google Maps, além de conversar no WhatsApp e postar aquela foto no Instagram.

Devido a nossa parceria com a EASYSIM4U, clicando no botão abaixo você ganha o frete grátis para comprar qualquer chip e receber em casa, e assim ter conexão em até 210 países.

 

17) Não pareça vulnerável

É perigoso andar só na Europa

Europa é segura, mas não custa manter atenção, sempre.

Caso você se perca, entre em algum lugar para pedir informação ou procurar no mapa. Não dê bobeira no meio da multidão e pareça vulnerável para alguém mal-intencionado.

Isso vale para tudo. Não ostente equipamentos caros ou saia entrando em todo lugar que não tenha tanto fluxo de turista. Eu sempre pergunto aos locais onde é seguro ir e sempre recebo as melhores dicas.

 

18) Números emergenciais

Tenha os números dos serviços de emergência local e também das embaixadas brasileiras no país onde estiver, ou saiba para quem pedir ajuda no local em que estiver hospedado.

Tendo esses detalhes em mente ou registrados em algum lugar, em um eventual momento de necessidade você terá para quem pedir ajuda e ser amparado.

 

19) Leve uma bagagem adequada

Bagagem adequada para viajar a Europa

Leve apenas o necessário para sua viagem a Europa.

Cuidado para não levar mais do que você precisa, pois o excesso de bagagem só te dará mais dor de cabeça do que solução; sem contar que te impedirá em viajar barato em voos low cost para Europa.

Saiba bem o clima do lugar ou lugares para onde está indo, para não passar nenhum perrengue depois e manere no peso da sua mala, pois em muitas estações de trem na Europa, você terá que subir várias escadas e entrar nos vagões altos com bagagem.

 

20) Constrangimentos

O que evitar na Europa

Peça desculpas em caso de gafe.

Você corre o risco de passar por algum constrangimento, seja com o uso errado de alguma palavra ou com alguma forma de agir; pode ser algo até normal para você, mas senão estranho, será ofensivo no país onde você se encontra. Eu mesma já passei por algumas situações.

Não se preocupe, apenas peça desculpa assim que perceber a gafe, pois é normal que de uma cultura para a outras as formas de agir e se relacionar mudem bastante; por você ser turista será difícil ser colocado em uma saia muito justa por conta dessas diferenças culturais.

Mas fique atento para não se aproveitarem disso para te extorquir. Isso é mais comum do que você imagina. Conheça bem a moeda do país, preste atenção às notas que você entrega, pois você pode ser enganado na hora de passar troco e ficar sem graça para reivindicar por conta do perfil mais fechado dos europeus.

E, por conta dessa característica deles, evite falar muito alto, pegar nos produtos sem comprá-los ou fazer gracinha se a pessoa não quer papo.

 

21) Defina os próximos destinos

Destinos de uma eurotrip só

Defina seu itinerário antes.

Além do ranking feito pelo Legatum Institut – excelente para descobrir mais sobre um destino antes de optar por conhece-lo – existe um site que oferece algo semelhante chamado Nomad List, que divide os locais por cidades e cria rankings de acordo com a avaliação de outros viajantes.

Eles avaliam temas como qualidade do ar, custo de vida, hospitais, vida noturna, sobre racismo, homofobia, respeito às mulheres, entre outros filtros.

É um site incrível para viajantes que desejam fazer um tour pela Europa, principalmente para mulheres que decidem viajar sozinhas para a Europa; possuem inclusive a medida de respeito para com o sexo feminino praticada em cada cidade.

Encontre => Bilhetes de trem em oferta na Europa

 

Descubra como viajar sozinho para a Europa

O que todos se perguntam antes de decidir viajar sozinho para a Europa é se vale a pena. A resposta é: com certeza! A Europa é um dos lugares mais seguros para quem decide viajar sozinho, principalmente para mulheres que sempre possuem preocupações a mais na hora de escolher o destino da viagem.

Recomendo também o artigo como viajar de trem pela Europa pela primeira vez, com dicas importantes para você se locomover com tranquilidade pelo Velho continente.

Com os países de maiores índices de desenvolvimento humano e mais seguros do mundo, além da quantidade de paisagens, histórias e culturas incríveis; sem dúvida é um destino que sem dúvidas vale a pena.

Viajar para a Europa sozinho ou acompanhado vale a pena! Confira um vídeo lindo sobre a Europa, produzido pelo site oficial de turismo do continente:

E você, pretende viajar sozinho para a Europa? O que achou das nossas dicas? Compartilhe suas dúvidas nos comentários!

 

Você também vai gostar

Deixe um Comentário

* Ao usar o formulário você concorda com o armazenamento dos dados nesse site.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumimos que você concorda, mas pode desabilitar se assim preferir. Aceitar Saiba Mais